Funcionamento: Segunda à Sexta das 8h às 11:30h, e das 13h às 17:30h

Notícias

Equipes da Secretaria de Saúde, Educação e Assistência Social de Nova laranjeiras participam do Primeiro Encontro Microrregional em Saúde mental em Laranjeiras do Sul.

O evento envolveu representantes dos seis municípios que fazem parte da Associação Intermunicipal de Saúde do Centro do Paraná (Assiscop)

Equipes da Secretaria de Saúde, Educação e Assistência Social de Nova laranjeiras participam do Primeiro Encontro Microrregional em Saúde mental em Laranjeiras do Sul.

Em alusão ao setembro amarelo, mês de conscientização sobre a importância da prevenção do suicídio, Equipes da  Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria de Educação e Secretaria de Assistência Social do município de Nova Laranjeiras, participaram na terça-feira 04 de fevereiro, do 1º Encontro Microrregional em Saúde Mental, Promovido pela secretaria de Saúde de Laranjeiras do Sul em parceria com a ASSISCOP.
O evento envolveu representantes dos seis municípios que fazem parte da Associação Intermunicipal de Saúde do Centro do Paraná (Assiscop): Laranjeiras do Sul, Nova Laranjeiras, Rio Bonito do Iguaçu, Marquinho, Virmond e Porto Barreiro. 
Entre as ações desenvolvidas neste evento, destacou-se a capacitação para os profissionais de saúde mental dos seis municípios, orientações aos médicos e teve como ponto central a palestra que foi proferida pelo Médico Psiquiatra, Dr. José Cleber Ferreira, que abordou temas como: “Prevenção e abordagem ao suicídio”, “Abordagem a Saúde Mental na Atenção Básica” e “Urgências e Emergências Psiquiátricas”. 
Segundo a Assistente social do Município de Nova Laranjeiras Raquel Bones do Reis, encontros como este deveriam ser realizados mais vezes, pois duvidas são sanadas e campanhas para prevenção de Suicídio devem ser feitas ininterruptamente, pois com uma linguagem bem aberta conseguimos abordar este tema que ainda e muito polemico, e ainda é evitado comentar sobre o assunto nas rodas sociais.  
Para a secretaria de Saúde do Município de Nova Laranjeiras, Eroilda Alves de Oliveira (ROI). Precisamos  conscientizar a população sobre a importância de estarmos falando sobre o tema de uma maneira mais aberta e segura, e precisamos estimular as habilidades emocionais desde a infância e adolescência, bem como auxiliar no diagnóstico e prevenção ao suicídio.

05/09/2018

Mais Fotos